iNOVAção

A inovação traduz a idéia de novidade. A palavra é derivada do latim innovatio, e se refere a um método, idéia, ou objeto que é desenvolvido e que pouco se parece com padrões anteriores. A inovação caracteriza-se como um processo que inclui as técnicas, concepção, desenvolvimento e gestão que resulta na comercialização de novos produtos ou serviços.

É possível desenvolver algo inovador em TI?

Para inovar siga as orientações Jean-Philippe Deschamps:

1 – Quando se fala de inovação temos que ter em mente que os clientes não são capazes de responder se usarão um novo produto.

“Você realmente acredita que pessoas utilizarão algum produto chamado mouse”. Reação dos executivos da Xerox na apresentação do mouse e da interface gráfica, ambos criados no início dos anos 70 e posteriormente copiados pela Apple e popularizados por outros sistemas.

O segredo está em conhecer os clientes e não questioná-los sobre algo.

2 – O conhecimento do cliente deve ser profundo para ajudar a predizer qual produto (ou ativo de TI) ele vai preferir.

Como conhecer e predizer o que o cliente quer? Se posicione como um (cliente) à frente de seu produto (ou ativo de TI). Fique de olho nas tendências e saiba utilizar todo o potencial da tecnologia na criação de um produto inovador.

3 – O ambiente de trabalho deve possuir aspectos inovadores. Se ele for rígido, projetos inovadores serão extintos.

Essa orientação foi o divisor de águas em minha vida. Diferente do mercado tradicional de TI, é no meio universitário que encontrei um ambiente com essas características.

4 – A criatividade vem da diversidade. Combine personalidades diferentes dentro de um ambiente inovador.

Várias empresas de TI estão contratando pessoas com formação humanística. Sociólogos, psicólogos e antropólogos são algumas das inúmeras formações que compõem o corpo de profissionais dessas empresas.

5 – As mulheres são fundamentais porque têm uma maneira especial de enfrentar e solucionar problemas.

Faça uma pesquisa e constate, a área de qualidade e teste de software das grandes empresas é gerenciada por mulheres. Elas possuem uma sensibilidade muito maior frente a um produto ou serviço, fato este altamente favorável em um ambiente inovador.

6 – Quando uma empresa pesquisa porque um produto agrada ou não, ela observa que talvez os usuários o vejam de maneira diferente, neste caso é necessário modificar o produto imediatamente.

Essa orientação é facilmente aplicável no desenvolvimento de software. Desenvolva um protótipo inicial do produto, apresente a seus clientes e veja a reação dos mesmos. Se os clientes estavam enxergando o produto com outros olhos, isso virá à tona. Modifique o seu produto e apresente ao cliente novamente. O velho e bom modelo evolucionário de desenvolvimento de software (hoje chamado pelos “modistas inovadores” de Agile).

7 – Inovação não significa crescimento. O crescimento está ligado à forma de explorar uma boa inovação.

Quanto a Xerox poderia ter crescido se explorasse com afinco a interface gráfica e o “fatídico” mouse. INOVAÇÃO NÃO EXPLORADA.

8 – As empresas precisam possuir a capacidade de se recuperar das inovações altamente bem-sucedidas – Aquilo que Dechamps chama de blockbuster.

Esse pressuposto nos remete a um processo difícil, ao inovar a empresa inteira se organiza mentalmente para dar apoio ao blockbuster e fica desmotivada com novos produtos. O maior exemplo disso é caso da Volks, com o fechamento da linha de produção do Fusca as vendas começaram a cair, a empresa não tinha nada a oferecer –  demorou um pouco para o Gol chegar ao mercado.

9 – O processo para decidir se uma idéia deve ser caracterizada como inovadora deve ser rigoroso, a fim de garantir a viabilidade, porém filtros demais não são bem vindos. Lembre-se, um dia, um patinho feio pode se tornar um cisne.

Steve… O que pessoas querem com computador comum? – Frase histórica apresentada pela HP quando Steve Wozniak apresentou a idéia do PC . Olha aí na sua frente, o seu PC hoje é um belo cisne.

Por fim, gostaria de salientar que o primeiro aparelho de fax não era perfeito, o primeiro walkman não era perfeito, o primeiro PC era horrível – Nenhum produto novo é perfeito. Lembre-se disso. Inovação caracteriza-se na implementação de algo novo seguido de uma ação, ou seja iNOVAção.

Abraços

José Augusto Fabri

fabri@femanet.com.br

3 Responses to “iNOVAção”

  1. […] de Paradigma versus Inovação No dia 12 de outubro publiquei um texto sobre inovação inovação. Recebi alguns e-emails solicitado um relacionamento entre inovação e quebra de paradigma. Walter […]

    • Rodrigo Taka Says:

      Em primeiro lugar, parabéns pelo site. Estou muito interessado em correr atrás do tempo perdido e pesquisando pelo Google encontrei esse site que está me auxiliando muito.
      Com isso, acredito que esse será o melhor lugar para fazer uma pergunta que está me deixando de cabelos brancos, quase caindo….
      Tenho quase 25 anos, me formei em letras, não houve retorno financeiro pois profissionalmente não era bem o que queria. Para investir na área de TI, qual o curso técnico mais indicado.
      Alguma escola em especial para indicar em São Paulo?
      Mais uma vez parabéns pelo site que é maravilhoso e desejo que continue com muito sucesso!

      • José Augusto Fabri Says:

        Rodrigo,

        Seria interessante você buscar um cursos superior de tecnologia na área de informática, em São Paulo, recomendo particularmente a FATEC, uma IES publica e com boa qualidade. Na grande São Paulo, existem vários campus.

        abraços.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: