As potencialidades do astah professional uml – parte 2

figura 1Pessoal, no post anterior iniciei um tutorial básico sobre as potencialidades do astah professional uml. O post propõe o levantamento de requisitos e o mapeamento do escopo de um projeto de software por meio de mapas mentais. A partir deste artefato, é possível gerar o diagrama de caso de uso (vale à pena conferir). Saliento que ambos os diagramas integram-se perfeitamente.

Este post mostra como customizar o documento de descrição dos casos de uso, o artefato mais importante dentro do modelo.

Esta customização é bastante simples.

Acesse o menu toll e posteriormente clique em set template e use case description (vide figura 1). Você acessará a umafigura 2
janela na qual é possível: criar um novo template e adicionar os campos necessários para a descrição do caso de uso (vide figura 2). A navegação nesta janela é bastante simples.

Por fim, basta clicar com o botão direito do mouse sobre o caso de uso que deseja especificar e acessar a opção open use case description (vide figura 3).

figura 3Agora basta descrever os casos segundo os requisitos levantandos.

No próximo post irei tratar sobre a consistência dos diagramas: caso de uso, classes e seqüência.

Até a próxima.

Abraços

José Augusto Fabri – fabri@utfpr.edu.br

6 Responses to “As potencialidades do astah professional uml – parte 2”

  1. Já usei o astah, mas o que mais tem me agradado e que venho utilizando há um tempo é o Yed (www.yworks.com/products/yed/).

  2. […] de requisitos e o mapeamento de escopo de um projeto de software por meio de mapas mentais. O segundo trabalha a customização do documento para especificação de casos de uso. Neste post vou partir […]

  3. […] de requisitos e o mapeamento do escopo de um projeto de software por meio de mapas mentais. O segundo trabalha a customização do documento para especificação de casos de uso. O terceiro apresenta a […]

  4. […] Potencialidades do astah 2 […]

  5. […] Os vídeos postados complementam o tutorial apresentado no blog em setembro de 2011 (parte 1, parte 2, parte 3, parte 4).  A ferramenta pode ser obtida neste link. Espero que os vídeos colaborem […]

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: