A filosofia ágil independe de ferramenta

Pessoal, um dos interlocutores do blog me questionou se é possível utilizar o astah professional dentro da filosofia ágil de desenvolvimento de software.

É possível ser ágil sem se preender nesta ou naquela ferramenta. Porém antes de iniciar os argumentos perante a este fato, gostaria que todos lessem este post, publicado no mês de maio deste ano.

Perceba que o post toma como base para a gestão de um projeto (ágil) as funcionalidades de um software. Toda funcionalidade é transformada em um post-it. Um conjunto de post-it gera uma production box. No texto, tanto os post-it como a production box são apresentados fisicamente. Você pode virtualizá-los utilizando um editor  de texto para os post-it e uma estrutura de pasta (diretório) para a production box. 

No astah professional é possível utilizar o diagrama de requisitos  para a gestão de seus projetos ágeis (vide figura no início do post). Perceba que na figura o diagrama caracteriza-se como a própria production box e os pacotes (to do, doing, done) estabelessem um mecanismo de controle  projeto.

Uma outra (excelente) alternativa é utilizar o TRICHORD, ferramenta centrada em times ágeis, também desenvolvida pela change vision.

Agilidade é uma filosofia e independe de ferramenta.

Até a próxima!

J. A. Fabri – fabri@utfpr.edu.br

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: