Metodologia, método, modelo de processo e processo.

Existem uma ampla discussão científica a respeito das palavras: metodologia e método. Várias pessoas utilizam-nas como sinônimos. Porém, é importante destacar a diferença entre as duas. O método tem relação direta com o processo (como fazer algo?), e a metodologia é área de estudo de vários métodos. Esta definição está embasada na etimologia de ambas as palavras. Metodologia e Método possuem como radical Grego, méthodos = ‘caminho para chegar a um fim’ e logia = ‘estudo de’.

Na Engenharia de Software esta discussão assume um caráter contínuo. Alguns autores assumem que o método caracteriza o processo com uma série de atividades, utilizado na construção de um software, enquanto que uma metodologia se traduz na codificação de um conjunto de boas práticas recomendadas, acompanhada de material de treinamento, programas de educação formal, planilhas e diagramas. Dentro deste contexto, o método de Engenharia de Software pode ser considerado como parte da metodologia.

Outros autores direcionam a metodologia com base em uma abordagem filosófica do problema. Dentro deste contexto é possível afirmar que a Engenharia de Software é rica em métodos e pobre em metodologias. Dentro desta abordagem temos como abordagem metodológica a metodologia estruturada (embasada pelos pressupostos de Edward Yourdon, Chris Gane e Trish Sarson) e a metodologia Orientada a Objetos.

Já um modelo de processo pode ser definido como uma representação ou abstração das atividades caracterizadas em um processo de software. Geralmente, o modelo norteia a instanciação e o sequenciamento das atividades de um processo de software. Na literatura é possível encontrar vários modelos de processo:

Já o processo (de software) é caracterizado por meio de um conjunto de atividades bem definidas e documentadas que quando aplicadas, sistematicamente, garantem certo grau de qualidade na confecção do produto. Além do conjunto de atividades, o processo possui outros atributos como: matéria prima, mão de obra e recursos. Tais atributos são considerados os insumos do processo de produção. Salienta-se também que o processo deve possuir o conceito de retro-alimentação com o objetivo de garantir o caráter evolutivo do mesmo. Todo o processo é instanciado a partir de um modelo.

No meu ponto de vista temos:

  • Método ou processo ágil.
  • Instanciado a partir do modelo evolucionário.
  • Embasado na metologia estruturada ou orientada a objetos.

Por fim, fica a dica:

Embase corretamente os termos metodologia, método, modelo de processo e processo e os utilize de forma correta.

 José Augusto Fabri – fabri@utfpr.edu.br

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: